PERGUNTAS FREQUENTES

Informações úteis

1. SOFIA DUARTE É O MEU NOME VERDADEIRO?

Talvez. Sofia é o meu segundo nome. Elsa Sofia é um nome escolhido pelo meu pai, quando eu nasci. Elsa é o nome da minha mãe e ele amava imenso a dona e o seu nome.

2. O QUE EU ESCREVO?

Um pouco de tudo. Maioria ficção. Maioria numa onda mais fantástica.
Quando era pequena, por volta dos 10 anos, comecei a escrever poemas realmente péssimos. Comecei a criar histórias aos 15 anos. Tudo em português até ter iniciado a publicação também em inglês em 2017.

3. E QUANTO A PEDIDOS?

Eu gosto de desafiar-me. As pessoas quando me pedem coisas é algo que me anima pois posso expandir as minhas letras além do que escrevo. Desde dedicatórias, homenagens, tributos, e outras tantas coisas que ainda não pediram... Basta apenas seguir o link abaixo do menu 'Início'.

4. QUEM SÃO OS LEITORES-BETA?

Eu gosto de inspirar as pessoas a serem e sentirem mais. E, por vezes, quando tenho algum projeto no ativo gosto de ter algumas pessoas que possam dar uma olhada com a sua opinião. Por norma, são pessoas com quem comuniquei durante algum tempo e que confio o suficiente para lhes passar os meus projetos em andamento.

5. PORQUE ESCREVO?

Amo escrever. Parece tanto benção como maldição. Tenho inspirações que não me deixam descansada até que sejam escritas. Letras que me fazem vivem numa montanha-russa de emoções. Sentir tudo sem fazer nada.
Também acredito que possa inspirar pessoas que estejam em momentos menos positivos a enfrentarem esses momentos. A magia está dentro de cada um de nós, que é a força que não sabemos ter.

6. QUEM OU O QUE ME INSPIRA QUANDO ESCREVO?

Tudo começou com o peso da morte do meu pai que me fez ansiar por falar com ele. Eu tinha apenas 7 anos. A Saudade era tanta que acabei por escrever poesia para me libertar da loucura que sentia na altura. Não eram poemas de grande calibre, mas foram a escada que me fez sair do poço onde eu me tinha enfiado.
Acredito que é o amor que alimenta todas as minhas palavras, essa infinidade que tomos temos.

7. QUAL FOI O TRABALHO QUE MAIS GOSTEI DE ESCREVER?

The Unforgiven souls: uma história escrita por portugueses. A história mais interessante que escrevi até hoje com alguém. Cada autor conta a versão dos factos da sua personagens através de episódios ao longo de várias temporadas. São seres fantásticos que se misturam pelo mundo humano e vivem as suas vidas de forma brilhante. Lê a história aqui: The Unforgiven Souls

8. QUEM SÃO OS MEUS AUTORES FAVORITOS?

Poesia: Hérberto Helder, Florbela Espanca, Fernando Pessoa and Edward Allan Poe.

Prosa: Isabell Allende; L. Stine, Goosebumps. Antoine de Saint-Exupéry, O Princepizinho e os Contros dos Grimm.

E música?

Ouço um pouco de tudo. Desde o tradicional Fado, bandas portuguesas, alguns cantores e outros tantos internacionais. De praticamente qualquer género. É só perguntar-me um género e eu sou capaz de dar alguns nomes.

Filmes?

Harry Potter; Filmes do Tim Burton; Queen of the Damned; Pan's Labyrinth; Sintel; Freddy Krueger; Capitães de Abril e Saw.

Séries?

Sherlock (BBC); Fringe (US); Mr. Queen (Korea); Lost Romance (China); Supernatural(US); American Horror Story(US); Nikita (US); Game of Thrones (US) e uma lista infindável que não cabia aqui.

9. TOMO BANHO TODOS OS DIAS?

Sim. Ainda bem que perguntaste. Também uso perfume e não gosto de cheirar mal.

Se não encontraste o que precisavas de saber, sente-te livre de me perguntar qualquer coisa.

 
Notebook and Pen

Obrigado pelo envio!